Meu nome:

Minha foto
Um dia, resolvi fazer a brincadeira de ir revendo a vida desde que nasci, e fui contando assim, livremente, no ouvido de quem mais amo, a trajetória toda. Eles amavam em silêncio, a minha vida em capítulos. Com meus filhos, tenho a mais bela história de amor da minha vida. É uma mágica em que vamos tecendo um laço cada vez mais apertado. Eles dão sentido a minha vida. Eu dou sentido a vida deles. E então: somos felizes assim, um sendo a alma da vida do outro. Existem as diferenças, mas elas furam todas as ondas. Não interessa o que difere, interessa o que nos une e, juntos, vamos inteiros vida afora.

AFETO COM AÇÚCAR E CANELA

AFETO COM AÇÚCAR E CANELA
*Se alguma foto ou matéria publicada aqui no blog estiver em desacordo com os direitos de propriedade, por favor me envie um e-mail que farei a devida correção ou a retirarei do blog, fica a seu critério.*

ara onde quer que vá, vá de todo coração. (Confúcio)

"Olá, Diga Bom Dia com Alegria, Boa Tarde, sem Alarde, Boa Noite, sem Açoite ! E Viva a Vida, com Alegria e Fantasia..." (Lenine)

“As Pessoas Mais Felizes:

São Aquelas Que Não Têm

Nenhuma Razão Específica

Para Serem Felizes...

Exceto Pelo Fato Que Elas São.”


Para onde quer que vá, vá de todo coração. (Confúcio)









quinta-feira, 31 de março de 2011

Eu, você...Nós


"Muitas pessoas me perguntam sobre minha relação com você, já que somos separados. Bem, nem sempre foi fácil. às vezes, nos desentendemos e as brigas acontecem. Mas uma coisa que eu admiro em nós dois é a capacidade de perceber que, quando erramos, podemos pedir desculpas. E, mais do que isso, temos o bom senso de olhar para as situações e refletir sobre o que é melhor para os seis. Isso mesmo! Para os seis! Não somente para as crianças. Até porque, se um de nós não estiver bem, o outro também não ficará. E, agora, depois de algumas discussões ao longo da semana, revimos algumas questões e pontos de vista, discordamos, concordamos. E isso fez um bem danado a mim, e acredito que à você também. E claro, terá reflexo em nossos filhos. Porque eu acredito que é assim mesmo que tem que ser.
Não estamos mais juntos, mas somos parceiros na criação das pessoas mais importantes dos nossos mundos.

E, agora, eu fiquei feliz em saber que você me admira e respeita como mãe. Porque é exatamente isso que sinto em relação a você."

quarta-feira, 30 de março de 2011

Um mundo melhor


Você sabia que as plantas e flores do seu jardim podem ficar mais lindas e saudáveis com as sobras da cozinha - e que de quebra você ajuda a diminuir a quantidade de detritos nos lixões? O segredo é transformar as sobras de alimentos em composto orgânico, que é o melhor adubo do mundo e não agride o meio ambiente. E a mágica que faz isso é chamada de compostagem. Veja como é fácil de fazer:
1) Reserve 1m² em local ensolarado para montar a pilha de composto, de preferência num cantinho mais isolado - o composto não costuma liberar odores, mas é bom prevenir.
2) Tenha à mão uma boa quantidade de terra, folhas secas e água, além de luvas de jardinagem, pá e regador.
3) Casca de ovo, restos de frutas, verduras e legumes, crus e cozidos, tudo entra na receita. Não use sobras de carne ou de gordura. Quanto mais você picar as sobras, mais facilmente elas vão se decompor.
4) Misture uma porção generosa de terra com as folhas secas e os restos de alimentos, cubra a mistura com terra e regue até ficar úmida.
5) Acrescentando ou não novas camadas de sobras, folhas e terra à pilha original, regue-a sempre.
6) Para ventirar a mistura, o composto deve ser virado a cada semana no primeiro mês. Depois, repita o processo a cada 15 dias.
7) Depois de 4 ou 5 meses, ABRACADABRA! No lugar de lixo e das folhas, você terá uma pilha de terra escura e cheirosa, rica em nutrientes e perfeita para ser usada no jardim ou em vasos.
8) Passe a receita adiante!

terça-feira, 29 de março de 2011

Compartilhar


Compartilhar o sal e o pão. O amor e a aliança que não se pode morrer. É uma amizade indestrutível. É a terra adoçada pelo orvalho e pelo sopro divino. A terra não se opõe ao céu. O azul do céu é que lhe faz os contornos. A terra sustenta a vida que o céu cobre. E então nasce a substância universal. Semear na primavera, no silêncio, no silêncio dos sonhos compartilhados. A gente tem que parar de reduzir o amor porque ele nos ultrapassa. Não podemos sequer arranhar o seu caráter sagrado. Ele quer o mundo inteiro pela frente. Isso não se opõe, isso só se complementa.

domingo, 27 de março de 2011

Porque amo São Paulo...


1. Pastel de feira.
2. Nosso chope é mais cremoso.
3. Doze pizzas por segundo.
4. O tesouro da Avenida Paulista.
5. Uma das maiores paradas gays do mundo.
6. Dos 579 shoppings em funcionamento no país, 72 estão em São Paulo.
7. Das 450 lojas da Galeria do Rock, noventa vendem CDs e/ou LPs, novos e/ou usados, baratos e/ou caríssimos.
8. São Paulo é a cidade com mais telefones públicos do país (103 500 orelhões).
9. Concentramos o maior número de churrascarias do mundo.
10. Todo dia é dia de feira.
11. O Parque do Ibirapuera.
12. 25 de Março.
13. Nossos filhos podem estudar em mais de 10 idiomas diferentes.
14. Reduzimos os índices de homicídios dolosos.
15. Yakisoba na rua.
16. Em São Paulo estão os maiores salários do país.
17. Shows internacionais.
18. Aqui os músicos conseguem viver de música.
19. O Instituto Butantan.
20. O cartão-postal da fé - a Catedral da Sé.
21. As bugigangas do Promocenter.
22. Nossas ruas são galerias de arte.
23. Temos a melhor noite gay – até para héteros.
24. O maior evento de moda do país: São Paulo Fashion Week.
25. Festival de tattoos.
26. A Ponte Estaiada.
27. Nossos cadeirantes andam de táxi.
30. Nossas livrarias são divertidas. Até para crianças.
31. O canto dos monges.
32. Lojas monotemáticas.
33. Nossas salas de cinema são uma atração à parte.
34. USP.
35. Temos nossa Britney Spears: Ronaldo Fenômeno.
36. O estádio do Pacaembu proporciona aos torcedores uma rara oportunidade: encostar na grade que separa o gramado da arquibancada e assistir à partida bem de pertinho.
37. Lei Cidade Limpa.
38. Dá para passar o dia todo na Augusta (sem repetir programa).
39. Compras com estilo.
40. Cinema com cerveja.
41. O Parque Villa-Lobos.
42. Centenas de cursos infantis.
43. Somos a capital dos shoppings.
44. Chinatown para quê? Temos o maior bairro japonês do Hemisfério Sul – e ele está longe de ser um gueto oriental. Lojas de importados, restaurantes típicos e uma feira livre repleta de iguarias asiáticas estão entre as suas antigas atrações. Os karaokês da Rua da Glória e os bares que oferecem as iguarias preferidas dos lutadores de sumô são as mais recentes. Com clima de submundo de Tóquio, atraem um público descolado, que vai muito além dos jovens da “colônia”.
45. A variedade do nosso cardápio.
46. Apesar de tudo, a periferia recita poesia.
47. Todos dançam em qualquer idade.
48. Temos catedrais para todas as religiões.
49. O melhor museu de futebol do mundo fica aqui.
50. Estamos no top 10 do Lonely Planet, a bíblia dos mochileiros.
51. Sua Gente.

Porque amo Minas Gerais...

1. Uai como ponto final, interrogação, exclamação e vírgula.
2. As cores e a algazarra da feira hippie.
3. Pato Fu.
4. Boteco em qualquer esquina, a qualquer hora.
5. As manhãs de maio.
6. Todas as cores dos ipês, dos jacarandás, das quaresmeiras.
7. Namorar na montanha.
8. Arco-íris depois da chuva.
9. Carlos Drummond de Andrade.
10. A nostalgia noite adentro, dia afora.
11. Cachaça, aguardente, branquinha, birita, pinga.
12. Ir a um churrasco quase todo fim de semana.
13. Tomar banho de mangueira.
14. Ter incontáveis lendas urbanas.
15. Falar "oc", "proc", "comc" sem vergonha.
16. Comer bife de fígado com jiló.
17. Tem de um tudo.
18. Se acabar de dançar num forró.
19. Tomar sorvete nos bancos da calçada.
20. Saber que todo ano tem as delícias de Comida di Buteco.
21. A luz natural.
22. Cirandas de roda.
23. Torcida ensandecida do vôlei.
24. Clube cheio de amigos nos fins de semana.
25. Cheiro de café coado.
26. Pão de queijo.
27. Rodinha de violão.
28. O cheiro da madrugada.
29. O clássico Cruzeiro e Atlético.
30. O clima de aconchego.
31. Piquenique no mato.
32. Todo mundo ser "véio".
33. A vista de BH pra quem chega pela BR 040.
34. De um lado uma empresa, de outro, um vizinho que cria galinhas.
35. Encontrar sempre alguém conhecido em praças, em missas, em festas, em todo o lugar.
36. Parques e praças de perder a conta.
37. Caminhar de mãos dadas.
38. Conhecer o garçon pelo nome.
39. Falar que nem pobre na chuva.
40. Comer macarrão no bar ás 4:00 da manhã.
41. Poder, sempre que preciso, ir pela sombra.
42. Ser conhecido pela gentileza e hospitalidade.
43. Projeto Manuelzão.
44. Ficar sentado na praça, num domingo de sol, vendo as crianças brincarem.
45. Nuuuuu ou nossssss.
46. As árvores centenárias.
47. "Rua Ramalhete", de Tavito.
48. Música ao vivo.
49. Saber do que se trata quando alguém pergunta Cêssásessônspasnasavás?
50. Galinhada.
51. Sua gente.

Aleatórias...


Coisas de Consistência estranha:
*Copo de plástico
*Gelatina
*Areia
*Isopor
*Algodão
*Orelha



Coisas com Consistência bem resolvida:
*Pedra
*Água
*Nuvem

Nunca vi, mas dizem que existem:
*Framboesa
*Onitorrico
*Mães Normais

Nomes para cores que não existem:
*Flabu (imagine: pintei uma parede de flabu...)
*Ágara (lindo para uma blusa)
*Oblime (um buqê de rosas oblimes!)
*Louredana (poderia ser um tom da cor verde: verde-louredana)

sexta-feira, 25 de março de 2011

Napoelão


"Sempre obtemos aquilo que desejamos ardentemente, constantemente".

Magda?

Seja Ardente. E constante.

segunda-feira, 21 de março de 2011

Por Inteiro...


A gente nasce e cresce dividido, o eterno destino de escolher. E escolher é abrir mão das outras possibilidades. E não há outro jeito já que é preciso ir. Ou ficar - já que viver é cravar raízes e florescer. Quando a gente não é feliz, escolher mudar é fácil. A questão é quando a gente é feliz e sabe disso. Uma vida ensolarada que abra janelas para o verde todas as manhãs, que toma banho frio sobre o céu azul, enquanto o forno prepara os alimentos para o café da manhã. A fruta no pé que vai virar suco, a flor que vai para o vaso, mais uma lição da natureza. Porque a natureza é sempre uma aula. A bênção da vida cotidiana, fazer as coisas de sempre cada vez melhor. A borboleta amarela, o beija-flor, a cigarra. Meu sagrado pedaço de chão. E tem também meu coração e muita coisa morando dentro dele.

sexta-feira, 18 de março de 2011

Lembre-se:

20% do esforço produz em média 80% do efeito. Mais do que isso é um desperdício. E você nunca verá a diferença. Faça o melhor que puder, mas pare assim que conseguir 80% do efeito desejado...e desconfie do perfeccionismo: os últimos 20% de efeito exigem 80% do efeito TOTAL. Não perca 80% do seu tempo aprimorando 20% do seu trabalho: aprenda a dosar.

Perfeição se soletra assim:
"P-A-R-A-L-I-S-I-A".

segunda-feira, 14 de março de 2011

Vinho


A julgar pela história, é mais do que uma bebida. É a companhia inseparável para se viver bem e feliz. E, como dizia o escritor Alexandre Fleming, "a penicilina cura os homens, mas é o vinho que os torna felizes!*

Todos os dias são especiais e merecem uma taça de vinho. Todos os motivos da vida são provas de que a vida acaba sendo o grande motivo.

sexta-feira, 11 de março de 2011

Ebaaaa! *S.o.r.t.e.i.o*


Como participar:

* Siga o blog Costurando Idéias por Iris Barbas (seguir publicamente); *http://patchworkcosturandoideias.blogspot.com
* Deixe um comentário com seu nome de seguidora e e-mail.

Importante:


*Se você divulgar o sorteio no seu blog, ganha mais uma chance e pode deixar um segundo comentário (não esqueça de colocar o link de divulgação).

*O sorteio começa hoje (10/02/11), termina quinta-feira (10/03/11) e só é válido para quem mora ou possui endereço de entrega no Brasil. O resultado será divulgado no blog Costurando Idéias no sábado, dia 12/03/11.

*Serão no máximo 2 participações por pessoa.

*Atenção! Comentários duplicados e/ou faltando dados serão apagados, ou seja, não serão considerados.

quarta-feira, 9 de março de 2011

Guardar ( sempre)...! & Nunca Guardar...

Guardo em minha alma os pequenos e os grandes momentos da minha vida. O sorriso do meu pai e o abraço da minha mãe estão sempre em minha lembrança. As brincadeiras de criança com os primos, os irmãos, as brincadeiras aprendidas em casa ou na rua, a descoberta do outro, o amigo. Os dias em que nasceram meus filhos (impossível descrever)...a ternura tomando conta.

Tento não guardar mágoa, para não fazer de um instante uma calamidade existencial.

"Carinho que eu fiz não vai virar espinho." ... e lembrando o poeta Ferreira Gullar: "Eu não quero ter razão, eu quero é ser feliz".

Guardo o sorriso daqueles a quem amo, está por inteiro comigo.

..."Há um menino, há um moleque, morando sempre em meu coração."

Se conselho fosse bom...mas lá vai:

Não guarde, jogue fora a idéia do que o infelicita e entorpece. Guarde e use o a serenidade, o bom senso e a compreensão. Aí você será de verdade, como quer o poeta, Feliz ! *este post é dedicado a um grande amigo (Emilio? é pra você).

terça-feira, 8 de março de 2011

8 de Março (Dia Internacional da Mulher).

Lembrando Victor Hugo: "Enfim, o homem está colocado onde termina a terra; A mulher, onde começa o céu”.
Beijos às Mulheres e respeito a aquelas que sabem como Che Guevara "endurecer sem perder a ternura".

segunda-feira, 7 de março de 2011

E tudo mudou... (Luís Fernando Veríssimo)


"O rouge virou blush
O pó-de-arroz virou pó-compacto
O brilho virou gloss

O rímel virou máscara incolor
A Lycra virou stretch
Anabela virou plataforma
O corpete virou porta-seios
Que virou sutiã
Que virou lib
Que virou silicone

A peruca virou aplique, interlace, megahair, alongamento
A escova virou chapinha
"Problemas de moça" viraram TPM
Confete virou MM

A crise de nervos virou estresse
A chita virou viscose.
A purpurina virou gliter
A brilhantina virou mousse

Os halteres viraram bomba
A ergométrica virou spinning
A tanga virou fio dental
E o fio dental virou anti-séptico bucal

Ninguém mais vê...

Ping-Pong virou Babaloo
O a-la-carte virou self-service

A tristeza, depressão
O espaguete virou Miojo pronto
A paquera virou pegação
A gafieira virou dança de salão

O que era praça virou shopping
A areia virou ringue
A caneta virou teclado
O long play virou CD

A fita de vídeo é DVD
O CD já é MP3
É um filho onde éramos seis
O álbum de fotos agora é mostrado por email

O namoro agora é virtual
A cantada virou torpedo
E do "não" não se tem medo
O break virou street

O samba, pagode
O carnaval de rua virou Sapucaí
O folclore brasileiro, halloween
O piano agora é teclado, também

O forró de sanfona ficou eletrônico
Fortificante não é mais Biotônico
Bicicleta virou Bis
Polícia e ladrão virou counter strike

Folhetins são novelas de TV
Fauna e flora a desaparecer
Lobato virou Paulo Coelho
Caetano virou um chato

Chico sumiu da FM e TV
Baby se converteu
RPM desapareceu
Elis ressuscitou em Maria Rita?
Gal virou fênix
Raul e Renato,
Cássia e Cazuza,
Lennon e Elvis,
Todos anjos
Agora só tocam lira...

A AIDS virou gripe
A bala antes encontrada agora é perdida
A violência está coisa maldita!

A maconha é calmante
O professor é agora o facilitador
As lições já não importam mais
A guerra superou a paz
E a sociedade ficou incapaz...

... De tudo.

Inclusive de notar essas diferenças"

*Luis Fernando Veríssimo*

sábado, 5 de março de 2011

Um Anjo Para Você...


Para iluminar seu caminho,
para colocar ordem na sua vida,
para você ter sempre a certeza,
de que ele está ao seu lado,
em todos os momentos.


Em qualquer situação,
na sua tristeza e na sua alegria.

E mesmo que você se esqueça dele as vezes,
ele estará sempre do seu lado,
lhe ajudando, lhe dando conselhos,
lhe conduzindo na sua estrada,
as vezes triste, as vezes alegre.

Ele sempre vai dar o melhor de si,
para lhe ajudar, e em troca disso,
ele só quer que você saiba dele,
que acredite nele.

Não precisa saber o nome do seu anjo,
basta lembrar dele como uma luz,
a iluminar o seu caminho.

E você pode ter certeza de que ele é assim,
uma imensa luz, que não se apaga nunca,
que não fica fraca,
que jamais perde sua força e seu brilho.

Um lindo anjo para você...
Que você possa contar com ele,
Sempre....sempre...

sexta-feira, 4 de março de 2011

Do fundo ...*da Terra*


De todos os mistérios da natureza, o mais lindo é a terra. O cheiro da terra molhada depois da chuva, a florzinha que põe a cara pra fora, o verde novo que veio pra ficar. Na terra não existe espaço vazio. Se você não plantar, um matinho vai chegar e tomar conta ou as formigas farão seu caminho sempre carregando mais um pedacinho de folha...ou os cupins farão suas torres.

Meu sonho é ir um dia (não muito longeeeee) morar na roça. Acho que vou começar, aprendendo a plantar batatas (deve ser lindo na hora de colher). Puxar a rama, descobrir quantas batatinhas vêm sujas ainda de terra e depois lavar, cozinhar e preparar...

quinta-feira, 3 de março de 2011

Filhos...


"Chego em casa com os meus pentes e os distribuo. Dois para você, quatro para você - segundo o temperamento e a distração de cada um. Aviso a todos que vou colocar um no armário do quarto, um no banheiro, um em cada mesa de cabeceira, dois na minha gaveta. Terminada essa operação ostensiva, fico maliciosa e furtiva; secretamente, vou escondendo outros pentes por todos os cantos e recantos, debaixo do colchão, no alto de um móvel, atrás do exemplar dos Suspiros Poéticos e Saudades. Em seguida, reúno solenemente toda a família, inclusive o Poppy, tiro do bolso um pente singular, o mais ordinário encontrável na praça, e digo: "Este é o meu pente; este ninguém usa; neste, sob pretexto algum, ninguém toca! Estão todos de acordo? Ou algum dos presentes deseja fazer alguma objeção?"

Estão todos de acordo. A sinceridade do meu clã nesses momentos é de tal qualidade que, por um dia ou dois, tenho a ilusão de que, afinal, venci, de que descobri o approach certo para a família incerta. Mas, meu São Luís de Camões, ó caminhos da vida, sempre errados! Os dias passam, o vento passa a descabelar-nos, e os meus pentes, os meus pentes também passam. Misteriosamente, inexplicavelmente, eles desaparecem, pouco a pouco, com certa malícia, um a um, dois a dois, até chegar o momento dramático no qual, depois de vasculhar todos os meus esconderijos, fico em cabelos no meio da sala e, como Ricardo III em plena batalha, exclamo patético: "Um pente, um pente, meu reino por um pente!".

Eu não fui - diz o primeiro; - eu não fui - diz o segundo; - eu não fui - diz o terceiro. Poppy, cuja especialidade é comer meias e sapatos, não diz nada, mas abana o rabo negativamente.

Não foi ninguém, foi Mr. Nobody, foi o diabo, foi a minha sina.

Minha mansão tem apenas três quartos e uma sala. Pois é inacreditável a quantidade de objetos que estão desaparecidos aqui dentro.

Um dia, quando me mudar, a gente vai achar tudo.

E sorrir um para o outro com uma nostalgia imprecisa, e dizer em silêncio que, filhos, e pais, melhor tê-los."


(Paulo Mendes Campos)

terça-feira, 1 de março de 2011

Mandamentos: Para... Sáh, Ugo, Bibi, Rodrigo e mamãe*

Compartilhar. Sermos justos. Não agredir o semelhante...! Devolver as coisas ao lugar do qual as retiramos. Limpar e remover a sujeira por nós provocada. Não tocar em coisas que não nos pertencem. Pedir desculpas após ofensa causada a alguém. Lavar as mãos antes das refeições. Pressionar a vávula de descarga. Lembrar que biscoitos quentes e leite frio fazem bem à saude. Viver a vida de múltiplas e dosadas atividades(aprender,meditar,escrever,desenhar,pintar,cantar,dançar,brincar e trabalhar um pouco, todos os dias).
Dormir um pouco todas as tardes. Ao sair pelo mundo, dedicar o máximo de atenção aos perigos do trânsito, andar de mãos dadas e jamais nos afastar do acompanhante. Não nos deixar enlevar por coisas fascinantes.